terça-feira, 15 de março de 2011

Olhando pros pneus

Os pneus devem ficar sempre bem calibrados, nem com pressão a menos (o popular pneu murcho ou pneu 
vazio) nem com pressão a mais. As duas situações trazem consequências negativas pro carro.

No futebol, bola murcha é o jogador que "manda mal". Quando o assunto é carro, "manda mal" quem deixa os pneus ficarem murchos e rodam com eles por aí assim mesmo. Além de desgaste prematuro dos pneus, a pressão abaixo da indicada gera aumento de consumo de combustível, ou seja, um gasto duplo: os pneus terão que ser trocados mais cedo do que o previsto, e mais será gasto para abastecer o carro. E o maior consumo de combustível ainda prejudica o meio ambiente, já que são mais poluentes emitidos para rodar um mesmo percurso. Com o aquecimento global nos afetando fortemente, precisamos levar o assunto a sério.

 Só que a resposta não é encher os pneus até eles quase estourarem, esse excesso sobrecarrega os amortecedores e a suspensão do carro. O certo é olhar no manual do carro - a bíblia do proprietário - a indicação do fabricante de qual é a pressão ideal. 

A Michelin, conhecida marca de pneus,disponibiliza para download uma tabela com a pressão ideal para cada modelo. Para baixá-la basta clicar aqui, e procurar no arquivo pelo nome do seu carro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário